Domingo, 29 de Junho de 2008

Fase Treré

Independentemente de todas as alucinações que possam ter ocorrido numa certa e determinada Festa de S.Pedro, que englobaram o descobrimento de certos gostos muito [atreveria-me a dizer demasiado] pessoais, o devoramento de iguarias a 2 euros cada e o antagonismo entre o fugir e o atrair pessoas conhecidas, nada pode ser mais importante que tomar-se conhecimento de um novo estadio de vida.

A Fase Treré é uma fase da evolução humana que implica um maior contacto social com os demais que nos olham de forma inquiridora, enquanto nos abandonamos ao tranquilo tratamento capilar que provém de falanges e falangetas desconhecidas.

É um ponto de viragem em que nos transformamos noutro ser, mais aperaltado e com todas as capacidades para vingar no mundo laboral, já que possuimos um apetrecho que nos concede capacidades de entabulação de conversa fenomenais, tendo apenas o inconveniente de não poder ser manuseado ao pé de uma tijela de sopa, correndo o risco de mergulhar nela tal qual endoscopia à hora de almoço.

Provavelmente é o período de tempo em que a definição de nós mesmos enquanto pessoas se torna mais forte, mais fulcral, mais fundamentalmente fascinante, tendo-se ai toda uma elucidação de qual o objectivo da nossa existência pontuada por veios de lascividade intelecto-fisico-socio-monetária.

Infelizmente, a minha divagação psico-socio-cultural [ou tentativa fracassada de me igualar ao Freud enquanto criador de teorias estapafurdias] findou quando descobri que a Fase Treré não era mais que um bocado de cartão, escrito pela mão hábil duma senhora oriunda de um País Africano, supostamente de, Lingua Oficial Portuguesa, que aparentava possuir alguns erros gramaticais!

A mensagem a ler deveria ser Faz-se Tereré!

Enfim, tivesse eu mais dinheiro no bolso e tinha aproveitado o momento de reflexão profunda para fazer um e entrar assim na Fase!

sinto-me: Pensativo
música: O som da televisão
publicado por Estagiário Farmacêutico às 17:44
link | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Agridoce!

. Fase Treré

. Alimentação Felina

. Patologia não apelidada!

. Convites recusados!

. Saúde ou Doença?

.arquivos

. Julho 2008

. Junho 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds